Julgamentos do 11J

Os julgamentos pelos protestos de 11 de julho de 2021 em Cuba ocorreram em meio a um clima de tensão e controvérsia. Essas manifestações, que se espalharam por todo o país, foram convocadas por cidadãos cubanos que exigiam mudanças políticas e econômicas na ilha.

As autoridades cubanas têm realizado uma série de detenções em massa relacionadas com os protestos, e muitos dos manifestantes têm sido submetidos a julgamentos sumários. As acusações contra eles incluem crimes como distúrbios públicos, desacato à autoridade e propagação de doenças contagiosas.

Organizações internacionais de direitos humanos denunciaram que esses julgamentos não atendem aos padrões de justiça e que os detidos não receberam o devido processo legal. Também foi apontado que as autoridades cubanas usaram a repressão para intimidar os cidadãos que participaram dos protestos.